O melhor professor de xadrez de todos os tempos?

Artigo escrito pelo MI Mauro de Souza

O Mestre Internacional russo Mark Dvoretsky é tido pela comunidade do xadrez internacional como um dos melhores treinadores de todos os tempos

Foi Mark Dvoretsky o melhor treinador de todos os tempos? Para muitos ele foi. Os brasileiros que estudaram com ele (Dvoretsky ministrou um curso para a equipe olímpica brasileira) o respeitam profundamente. Lá pelo mês de março do ano passado, quando fecharam tudo, combinei com meu aluno Marcelo Cop, um forte enxadrista amador (cerca de 2200 no Lichess), de estudarmos sua mais elogiada obra “Endgame Manual”; achamos o livro excelente. O cara era bom mesmo. Na partida que segue vamos ver um pouco do Dvoretsky jogador. A partida foi disputada na final do Campeonato Soviético e mostra que ele tinha totais condições de alcançar o título de Grande Mestre (ele só chegou a MI). Mark escolheu dedicar-se à carreira de treinador, deixando em segundo plano a sua própria carreira de jogador.

Em suas entrevistas Mark Dvoretsky reconhecia que o trabalho com aberturas não era seu ponto forte e que preferia ensinar finais. Os treinadores cubanos com quem conversei (Reinaldo Vera e Amador Rodriguez, ambos foram fortes Grandes Mestres) preferiam outro enfoque: tática (para evitar e aproveitar capivaradas) e aberturas (para ter um padrão de jogo e encarar a partida com mais confiança. Como ensino jogadores que, no máximo, são amadores fortes, prefiro o enfoque dos cubanos que acredito trazer melhores resultados práticos para quem não pode dedicar muito tempo ao xadrez. Mas enfim… que ele foi algo assim como um gênio acho que foi mesmo!

O melhor professor de xadrez de todos os tempos?