Minhas lembranças do Clube de Xadrez São Paulo

 

 

Iniciamos dia 12 de abril de 2011 a publicação dos depoimentos de jogadores que, em determinado momento de suas vidas, frequentaram o Clube.

         Lembramos que a sede atual foi inaugurada em 1960. São, portanto, quase cinquenta e um anos de histórias, emoções, períodos de glória que, aos poucos, vamos trazendo à tona.

                  

Agradecemos a Eliana Aparecida de Souza pelas respostas que seguem

 

 

 1. Qual a época em que mais frequentou o clube?

 

Frequentei o clube de 1982 a 1990 (mais ou menos) nos cinco primeiros anos ia quase que diariamente.



2. Qual o papel do clube na sua formação como enxadrista?

 

O maior papel do clube foi contribuir para encontrar pessoas que abriram os caminhos para este universo. Lá, sempre foi o ponto de encontro de todo “mundo enxadrístico”.


       

3. Cite e comente um episódio marcante do CXSP.


          Foram tantos anos de vivência por ali, que fica difícil escolher algo específico. Creio que uma das notícias mais gratificantes como enxadrista que tive foi saber que estava classificada para a Olimpíada, e esta notícia a tive quando estava no clube. Assim que abri a porta do elevador, o Faria deu-me os parabéns, e eu ainda nem sabia o porquê. Sempre associo o clube a momentos como este, positivos e bons.